16/07/2012

PingPong com os DJs BemBom



O BemBom surgiu em 2007 de um Podcast. Geraldo e Mari tocavam House, Tech-House e Techno. Gostavam de outras coisas além desse tipo de música, mas naquela época não havia quase espaço para se tocar coisas assim. 

As pessoas tinham a cabeça ainda muito fechada e restrita quando o assunto era Música Eletrônica. Decidiram gravar um podcast de brincadeira para dividir com os amigos e mostrar coisas que pesquisavam e que gostavam de ouvir. Com o tempo surgiu o primeiro convite para discotecar New Rave, Nu-Disco, Disco e House. E assim surgiu o “BemBom”, que completou 5 anos esse mês. Confira a entrevista bem legal que eu fiz com a Mari Jares. E se quiser sacar mais do trabalho do casal clique aqui.

Vocês tem um podcast, uma identidade visual, então achas que hoje os dj's precisam estar mais presentes no mundo virtual?

Sem dúvida! O mundo virtual tá aí e chegou para ficar. Acho que ainda dão pouca importância para o que o virtual pode fazer, e subestimam o poder que ele tem.
O problema é saber fazer a "coisa", e não levar como uma brincadeira. O virtual é tão sério e comprometedor quanto o real.

Qual é a sensação de tocar em uma festa? O que motiva vocês?

É difícil descrever. É super gostoso ver as pessoas dançando aquela música que você escolheu para aquele momento, mais gostoso ainda é ver que curtem teu set, sem que toque as "10 mais pedidas" da rádio, ou aquela música da moda.

Falo porque o mundo pop fica maior a cada dia que passa, e o público pop é exigente também, claro. E conseguir agradar um público exigente, que tá ali curtindo outro tipo de som é incrível.

Qual a relação entre bandas e dj's, existe um abismo entre os dois ou uma espécie de rivalidade?

Sempre ouvi falar nessa rivalidade, mas nunca senti ela acontecer de verdade. Acho que bandas e DJs fazem parte de um mesmo grupo, dos apaixonados por música. Seja ela qual for, todos estão lá pelo mesmo motivo e estão agradando inúmeras pessoas por gostar do que fazem. Não tem porque existir rivalidade nenhuma.

Qual o tipo de som que tocam? Falem sobre os projetos futuros da "bembom".

Bom, não tem um estilo que prenda a gente, mas podemos dizer que o principal deles é a Disco e o House. A gente adora pesquisar e pegar algumas coisas antigas, que são super divertidas, animadas e misturar com as músicas novas. Elas se complementam!

Sobre os projetos futuros, modificamos o nosso site, vimos a necessidade de ter um espaço mais limpo e organizado, pra deixar o mais acessível possível a todos. Acho que em um futuro próximo a gente deve dar um start nas produções. 

Atualmente estamos fazendo a festa Sombrero, ao lado de um grande DJ e amigo, o Bernardo Pinheiro. Essa festa é do tipo World Music. A gente toca um bocado de coisas de diversos lugares do mundo, e também coisas perdidas aqui da nossa terra. Rola muito Funk, Soul, Jazz, Disco, e Beats em geral. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário